JOGOS OLÍMPICOS DE INVERNO

Suécia ganha reforço na candidatura aos Jogos de Inverno de 2030

Candidatura do país para receber Jogos Olímpicos de Verão de 2030 ganhou importante apoio; veja quais os outros países que concorrem com a Suécia
Foto do autor
Compartilhe

A candidatura da Suécia para sediar Jogos Olímpicos de Inverno 2030 ganhou importante reforço nesta terça-feira (21/11): o apoio de Estocolmo, capital sueca, que seria a favorita para receber a maioria das competições.

“O conselho municipal é favorável à iniciativa de organizar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Inverno na Suécia em 2030”, indicou a cidade em um comunicado.

O governo do país escandinavo tinha dado sinal verde no dia 12 de novembro ao Comitê Olímpico Sueco (SOK) para elaborar o dossiê da candidatura e declarou estar pronto para “estudar as condições para oferecer as garantias estatais”.

Estocolmo seria a cidade escolhida como sede principal das competições, que também seriam realizadas em outras pequenas cidades do interior do país, como Falun, Are e Ostersund.

“Dando a garantia municipal, nossa mensagem é que este evento pode ser realizado de uma maneira sustentável nos âmbitos climático, econômico e social”, declarou Karin Wanngard, prefeita de Estocolmo, citada no comunicado.

SOK se mostrou satisfeito com o apoio da capital

“A comunidade esportiva está unida e apoia esta candidatura. Temos a intenção de utilizar estruturas já existentes e os conhecimentos dos organizadores, então as condições serão as melhores possíveis”, declarou Anna Iwarsson, presidente interina da Confederação Sueca de Esportes, citada em nota do Comitê.

A Suécia já organizou os Jogos Olímpicos de verão, em 1912, mas esta seria a primeira vez que o país receberia os Jogos de Inverno.

Quem concorre com a Suécia?

França e Suíça também anunciaram candidaturas para 2030.

O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciará a sede do evento em 2024.

Compartilhe
Receba de graça no seu celular as notícias sobre o No Ataque Inscreva-se.